Confira 5 destinos internacionais sem restrição para brasileiros indicados por especialista em turismo, Pedro Richardson

Foto: Arquivo Pessoal/Pedro Richardson

O viajante e autor do blog Travel With Pedro, Pedro Richardson, indica países que estão com as portas abertas para brasileiros, apesar dos números alarmantes da Covid-19 no Brasil

Após mais de um ano em distanciamento social por causa da pandemia da Covid-19, a saudade de viajar bate à porta. Apesar do passo lento, no último sábado (31), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, voltou a garantir a vacinação de toda a população brasileira com mais de 18 anos até o fim de setembro. A declaração, feita em evento de credenciamento de um hospital em Presidente Prudente (SP)  ao Sistema Único de Saúde (SUS), surge como um cartão amarelo para quem deseja iniciar os preparativos para conhecer o próximo destino.

Apesar da sensação de respiro e expectativa para retomar a vida social, os brasileiros ainda têm que lidar com as sequelas da pandemia no país. Entre os impactos da  Covid-19 no Brasil, a própria imagem da nação sofreu danos. De acordo com dados das secretarias de saúde, até o momento foram registrados mais de 500 mil óbitos pela doença desde o início da pandemia. Por causa do número alarmante, o brasileiro encontra portas fechadas ao redor do mundo.

O fato é que nem todos os países estão permitindo a entrada de brasileiros. Entre os que aceitam, a lista chega a mais de 100, porém a vasta maioria exige dos turistas isolamento social de duas semanas ou até a vacinação com marca específica de vacina, o que dificulta a viagem.

Confira 5 destinos com melhores condições para brasileiros

Para auxiliar os brasileiros quanto à escolha do melhor destino nessas condições, o especialista em turismo internacional e autor do blog Travel With Pedro, Pedro Richardson, selecionou 5 países que estão recebendo brasileiros sem restrições ou apenas com a apresentação de teste PCR negativo para o coronavírus.

Albânia

Pedro Richardson
Foto: Arquivo Pessoal/Pedro Richardson

Um destino pouco conhecido por brasileiros, a Albânia ostentava até poucos anos o título de país mais pobre da Europa. Porém, subiu alguns lugares nesse ranking. Para quem viaja à Albânia, a capital Tirana é o principal ponto de entrada. Não existem voos diretos do Brasil, mas muitas empresas aéreas europeias oferecem conexão.

Segundo Pedro, a costa de 450km presente no país é um dos pontos que mais atrai turistas. “Principalmente aqueles que querem aproveitar os baixos preços. Entre as melhores praias, estão as de Himarë, Vlore e Saranda”, considerou.

Brasileiros podem viajar à Albânia sem restrições, já que o país não exige quarentena nem teste de PCR para entrada. O uso de máscara é obrigatório apenas em repartições públicas e o número de novos casos de COVID-19 no país é baixo, em torno de 50 por dia, de acordo com o World Meter.

Colômbia

Pedro Richardson
Foto: Arquivo Pessoal/Pedro Richardson

A Colômbia se tornou um destino popular entre os brasileiros, principalmente a cidade de Cartagena, na costa caribenha e a ilha de San Andrés, que fica bem no meio do Caribe. De acordo com o especialista, o país, no entanto, possui outros destinos igualmente interessantes. “Como a cidade de Medellín, mais conhecida por ter sido a sede do cartel de Pablo Escobar, mas que hoje é um destino seguro e que tem atraído muitos estrangeiros, principalmente os chamados ‘nômades digitais’”.

Brasileiros podem visitar a Colômbia sem quaisquer restrições, já que o país não exige teste de PCR e não impõe quarentena. De acordo com o World Meter, o número de novos casos de COVID-19 está em declínio – cerca de 7 mil novos casos diários, em comparação a 30 mil em meados de junho.

México

Pedro Richardson
Foto: Arquivo Pessoal/Pedro Richardson

O México ganha destaque no Brasil principalmente pelo resort de Cancún e a Riviera Maya. Com suas praias azul turquesa e inúmeros resorts all-inclusive, a região tem recebido turistas durante praticamente toda a pandemia. De acordo com a Secretaria de Turismo do México, o Brasil fica em terceiro lugar no ranking de turistas recebidos entre janeiro e junho deste ano, com quase 125 mil brasileiros visitantes.

Pedro lembra que “o México tem sido também a porta de entrada para quem quer visitar os Estados Unidos. Já que no momento o país americano não aceita passageiros que estiveram no Brasil nos 14 dias anteriores à viagem, brasileiros têm aproveitado os preços baixos do México para passar duas semanas, conhecer as atrações e depois viajarem para os Estados Unidos”.

“Embora muitos brasileiros prefiram ficar apenas em Yucatán (o estado onde fica Cancún), recomendo que conheçam a Cidade do México, que possui muitos museus, excelentes restaurantes, além das cidades de Puerto Vallarta, na costa do Pacífico e cidades históricas como Querétaro e Oaxaca”, completa Pedro.

República Dominicana

Popular entre turistas que buscam praias caribenhas e resorts all-inclusive a preços convidativos, a República Dominicana é uma das ilhas mais procuradas por brasileiros. “Punta Cana é o principal destino, que é conectado com voos diretos para São Paulo. O país está aberto para brasileiros, mesmo os que ainda não foram vacinados”, recomenda o especialista.

De acordo com o Consulado Brasileiro em Santo Domingo, brasileiros precisam apresentar um teste negativo de PCR feito há no máximo 72 horas – exceto crianças com até 5 anos de idade. Além disso, o país exige que o turista preencha um formulário online com seus dados pessoais e informações sobre a hospedagem no país.